Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Liberdade aos 42

... a vida depois da enfermagem...

Liberdade aos 42

... a vida depois da enfermagem...

22
Jan20

Sobre a Positividade...


Não sou, por natureza, uma Pessoa Positiva (embora gostasse muito de o ser)...

Mas esforço-me (muito), diariamente, por construir uma Vida Positiva, com sentido... por isso luto, incessantemente, contra todos os obstáculos (reais e/ou imaginários) com que a Vida me brinda... nem sempre sou bem sucedida, mas procuro nunca desistir... sou resiliente e proactiva...

Acredito que, a dita Positividade, é uma aprendizagem constante e uma conquista diária... por isso, continuo a Sonhar e a Acreditar que posso construir finais Felizes...

 

Minha praia.JPGO Meu lugar...

 

21
Jan20

Sobre o silêncio...


Gosto de silêncio... daquele silêncio bom, que não sentimos necessidade de preencher (com palavras), quando estamos com alguém em quem confiamos...

Gosto do silêncio quando estou sózinha... gosto de fechar os olhos, abstrair-me de tudo e experimentar aquela sensação de leveza e Paz que me envolve e me transporta para outra dimensão...

Também gosto de apreciar o som do silêncio que, às vezes, sabe ser muito ruidoso...

 

 

20
Jan20

Bolo de mirtilo...


Um bolo super fofinho, saboroso e muito fácil de confeccionar... excelente para acompanhar um chá quentinho e aromático num típico dia de Inverno...

 

Bolo de mirtilo.JPG

Bolo de mirtilo

 

Bolo de mirtilo

Ingredientes:

  • 200 g de açúcar
  • 200 g de farinha de trigo com fermento (autolevedante)
  • 50 g de amido de milho
  • 150 g de óleo de côco
  • 5 ovos grandes
  • 125g de mirtilos (frescos ou congelados)
  • 1 cálice de vinho do Porto (ou licor, a gosto)
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • 100ml de bebida vegetal (aveia, soja, amêndoa)

 

Preparação:

Pré-aquecer o forno a 180 º C.

Untar e polvilhar, com farinha, uma forma redonda ou rectangular (20cm de diâmetro ou 20x20cm).

Bater o óleo de côco com o açúcar até obter um creme esbranquiçado.

Juntar as gemas e continuar a bater.

Adicionar a farinha, o vinho do Porto, a bebida vegetal e a canela.

Bater as claras em castelo e adicionar à massa, envolvendo-as suavemente.

Deitar a massa na forma e espalhar os mirtilos por cima (previamente misturados com o amido de milho).

Levar ao forno por 40 a 45 minutos.

Se o bolo começar a ganhar cor, a meio da cozedura, colocar uma folha de papel de alumínio por cima para este não queimar.

 

Bom apetite!

 

17
Jan20

A Liberdade de... Calimero



Há pessoas que nos acrescentam e nos devolvem o melhor de nós, a MJP e uma dessas pessoas!

Grata por tamanha honra em estar na estante da tua Liberdade! 

Grata por existires na minha vida!


Era so isto! 

 

 

Liberdade

 

Liberdade, não foi aquilo que a vida me limitou quando me colocou no caminho batalhas árduas para ultrapassar..

Liberdade não e  aquilo que limita alguém que não pode fazer as suas escolhas por sua livre vontade, mas depender de quem as faça por si!

Liberdade não e aquilo que me limita e me condiciona todos os dias da minha vida…  

Liberdade, era poder ter escolhido outros caminhos que não pude..

Liberdade, ainda assim ,é aquilo que tive que agarrar e ir a luta e não desistir!

A minha liberdade é saber que aquilo que a vida não me deu, me devolve em sorrisos e abraços !

Genuinos e sinceros!

E ouvir alguém dizer quando lhe perguntas .!Quem e a tua amiga!?

Nana (que sou eu)!

E me da um abraço do tamanho do mundo!

Mas não fui livre para ter podido dizer:

Não quero que isto seja assim!

Não me foi dado essa escolha!

 

Mas sei que ele é tão mais feliz que eu!

Sabem porque?

Porque o mundo dele e perfeito!

No mundo dele não há pessoas más!

Não há hipocrisia!

Não há rejeição!

Não há revolta!

So no meu!

Por isso ele é e vai ser sempre mais feliz que eu !

E é aí sim, que começa a minha Liberdade!

 

Texto da autoria de: Calimero

 

15
Jan20

Viajar... sem sair do lugar!


Regra geral, quando saio de casa para ir caminhar à beira-mar faço, sempre, o mesmo percurso...

Mas a viagem nunca é igual...

 

F_2.JPG

F_1.JPG

 

Muitas vezes, absorta nos meus pensamentos, percorro o caminho de forma automatizada, como se andasse de olhos fechados, e nada vislumbro...

Outras vezes, focada no momento presente, reparo nos pormenores singulares das pequenas flores na beira da estrada, nos insectos, nas aves que se digladiam pela melhor semente ou pelo insecto mais suculento...

F.JPG

F_f.JPG

 

Chegada à praia, nunca há dois olhares iguais... o Mar encarrega-se de moldar a areia a seu bel-prazer...

F_-.JPG

F_3.JPG

 

Sento-me na areia e observo a água do Mar, que ondula ao ritmo da corrente...

Ondas.JPG

 

as aves nos seus fluxos migratórios...

F_4.JPG

 

as nuvens que se movem, no céu, ao sabor do vento...

nvs.JPG

 

Deixo que os meus pensamentos voem para (bem) longe, livres... viajo... 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D