Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Liberdade aos 42

... a vida depois da enfermagem...

Liberdade aos 42

... a vida depois da enfermagem...

31
Mai19

Cumprir a tradição... com dificuldade e imaginação...


Bom dia, Pessoas Lindas e Maravilhosas!

Ontem foi quinta-feira da Ascenção, ou seja, o Dia da Espiga... e eu, confiante, parti para o campo (ao fim da tarde, porque o calor abrasador não deu tréguas, durante todo o dia) para colher o meu raminho...

O que, à partida, (me) parecia uma tarefa fácil de cumprir... rapidamente se transformou numa verdadeira odisseia em pleno deserto!!! (sim!!!... leram bem!!!... o Meu Algarve só tem pasto seco...)

Ora bem... é suposto o raminho da espiga conter:

  • Espiga de trigo, que simboliza o pão (como já ninguém semeia trigo... ou, sequer, cevada por estas bandas... tive de recorrer à imaginação e substituí-la por, "uma espécie de espiga" selvagem!)
  • Malmequer, que simboliza a fortuna (depois de muito procurar... lá encontrei!)
  • Papoila, que simboliza o AMOR (muito, muito, muito difícil de encontrar... por fim, descobri 3 papoilas resistentes ao calor abrasador!)
  • Ramo de oliveira, que simboliza a Paz (felizmente, muito fácil de encontrar!)
  • Ramo de videira, que simboliza a Alegria (felizmente, muito fácil de encontrar!)
  • Alecrim, que simboliza a Saúde (felizmente, muito fácil de encontrar... temos no jardim!)

Depois de algum tempo de busca exaustiva, alguns obstáculos ultrapassados e (muita) criatividade à mistura... apresento-vos o meu humilde raminho da espiga!

espiga.JPGRamo da Espiga

Dia Feliz!

 

30
Mai19

Estrela da tarde...


Bom dia, Pessoas Lindas e Maravilhosas!

Partilho, convosco, um poema sobejamente conhecido, que adoro...

Estrela da Tarde

Era a tarde mais longa de todas as tardes que me acontecia 
Eu esperava por ti, tu não vinhas, tardavas e eu entardecia 
Era tarde, tão tarde, que a boca tardando-lhe o beijo morria. 
Quando à boca da noite surgiste na tarde qual rosa tardia 
Quando nós nos olhámos, tardámos no beijo que a boca pedia 
E na tarde ficámos, unidos, ardendo na luz que morria 
Em nós dois nessa tarde em que tanto tardaste o sol amanhecia 
Era tarde de mais para haver outra noite, para haver outro dia. 

       Meu amor, meu amor 
       Minha estrela da tarde 
       Que o luar te amanheça 
       E o meu corpo te guarde. 
       Meu amor, meu amor 
       Eu não tenho a certeza 
       Se tu és a alegria 
       Ou se és a tristeza. 
       Meu amor, meu amor 
       Eu não tenho a certeza! 

Foi a noite mais bela de todas as noites que me adormeceram 
Dos nocturnos silêncios que à noite de aromas e beijos se encheram 
Foi a noite em que os nossos dois corpos cansados não adormeceram 
E da estrada mais linda da noite uma festa de fogo fizeram. 
Foram noites e noites que numa só noite nos aconteceram 
Era o dia da noite de todas as noites que nos precederam 
Era a noite mais clara daqueles que à noite se deram 
E entre os braços da noite, de tanto se amarem, vivendo morreram. 

       Meu amor, meu amor 
       Minha estrela da tarde 
       Que o luar te amanheça 
       E o meu corpo te guarde. 
       Meu amor, meu amor 
       Eu não tenho a certeza 
       Se tu és a alegria 
       Ou se és a tristeza. 
       Meu amor, meu amor 
       Eu não tenho a certeza! 

Eu não sei, meu amor, se o que digo é ternura, se é riso se é pranto 
É por ti que adormeço e acordado recordo no canto 
Essa tarde em que tarde surgiste dum triste e profundo recanto 
Essa noite em que cedo nasceste despida de mágoa e de espanto 
Meu amor, nunca é tarde nem cedo para quem se quer tanto! 

Ary dos Santos, in 'As Palavras das Cantigas' 
 
 
Muitos são os artistas que já deram voz a este maravilhoso poema...
partilho duas interpretações de que gosto, particularmente... 
 
 

António Zambujo

 

Amor Electro

Dia Feliz!

 

29
Mai19

Sentimento agridoce...


Ontem, uma amiga veio contar-me que, algo que ela muito desejava, finalmente, aconteceu...

Quando dei por mim, tinha lágrimas a escorrer-me pelo rosto... tamanha era a felicidade... mas... uns minutos depois... dei-me conta que, o realizar deste, seu, desejo, implicaria o nosso afastamento (geográfico) e... o sentimento tornou-se agridoce...

Mas... a Amizade é altruísta, por isso, por mais que goste da sua companhia, tenho de a deixar voar ...

Felizmente que, a Vida já me ensinou que, a intensidade de uma relação (amizade, ou outra) não se define pela distância geográfica... aprendi que a distância pode separar dois olhares... mas, nunca, dois corações...

Zurique.JPGZurique...

 

27
Mai19

Aproveitar o sol em segurança...


O sistema imunitário da pele fica enfraquecido sob acção de luz solar intensa, a qual danifica as células da pele e altera o seu material genético. O sistema de reparação da pele não consegue eliminar os graves danos provocados pela radiação ultra-violeta (UV) nas suas células e estas transmitem informações incorrectas para as células filhas. Se esta divisão celular “anómala” não for “travada”, podem ocorrer mutações e originar um cancro da pele, anos mais tarde. Existem diferentes tipos e subcategorias de cancro da pele. O mais perigoso é o melanoma maligno.

Os outros cancros da pele (não-melanoma) não são tão graves, mas são 10 vezes mais frequentes que o melanoma maligno. As áreas da pele mais expostas ao sol são as mais afectadas. Estas incluem o rosto, orelhas, dorso das mãos e, nos homens, as zonas de calvície.

Agora que, a temperatura subiu acima dos 20 graus e que, os dias de sol convidam a passeios ao ar livre ou idas à praia, é essencial lembrar os cuidados a ter com a exposição solar, para que os momentos felizes de lazer não se transformem, futuramente, em graves problemas de saúde.

  • Exposição ao sol (insolação): A exposição súbita, intensa e directa ao sol deve ser evitada, em qualquer circunstância. É aconselhável evitar a exposição directa à luz solar, particularmente, entre as 12 e as 16 horas e, idealmente, entre as 11 e 17 horas, nos dias de maior intensidade das radiações UV.
  • Protector solar: O protector solar deve ter factor de protecção elevado (nunca inferior a 30) e oferecer protecção tanto para raios UVA como UVB. O protector deve ser aplicado meia hora antes da exposição solar e a aplicação repetida, a cada duas horas.
  • Sombra: Nunca esquecer que, num ambiente aberto, como na praia, mesmo sob a protecção de um guarda-sol, pode estar sujeito a queimaduras solares, devido aos raios UV reflectidos, a menos que sejam tomadas medidas adicionais de protecção (uso de protector solar). Da mesma forma, os raios solares atravessam as nuvens em quantidades significativas e, portanto, ainda há uma tendência para a pele se queimar, mesmo, nos dias nublados de primavera ou verão.
  • Roupa: As roupas proporcionam a melhor protecção contra a luz solar intensa. Roupas de manga curta são melhores que sem manga e, idealmente, de manga comprida. O tecido deve ser, preferencialmente, de malha apertada. É conveniente usar um chapéu de abas largas e óculos de sol escuros com protecção de UV máxima. Actualmente já é possível encontrar no mercado roupas para as crianças, incluindo fatos de banho, com índice de protecção 50 + (tipo de malha ou com protector solar impregnado).
  • Tipo de pele: A regra deverá ser, acostumar a pele aos raios solares, de forma gradual. Uma pele que bronzeou gradualmente e de modo contínuo, consegue suportar os raios UV até 10 vezes melhor do que uma pele não bronzeada. Todas as pessoas devem saber, também, o tempo de protecção pessoal específico que se aplica ao seu tipo de pele (varia, de acordo com a tonalidade). Por outras palavras, quanto tempo de exposição desprotegida ao sol pode fazer.

Há, sem sombra de dúvida, muitos aspectos salutares relacionados com a exposição solar. Pode ser benéfica para a nossa saúde psicológica e induz a produção de vitamina D, pelo organismo. A vitamina D é de enorme importância para a saúde e, habitualmente, consumimos apenas quantidades limitadas da mesma (a menos que comamos grandes quantidades de certos alimentos, como peixes gordos). No entanto, há claras evidências de que a excessiva exposição solar e as queimaduras solares, durante as férias, estão a provocar um enorme acréscimo de casos de melanoma, principalmente, entre as pessoas de pele clara e com muitos sinais. Para controlar esta tendência alarmante, é fundamental moderar a exposição solar, sobretudo, por parte das pessoas mais vulneráveis.

Para mais informações, consultem: www.euromelanoma.org

 

26
Mai19

Feliz Domingo!


"Chegará o dia em que o professor do Homem será a Natureza, e a Humanidade o seu livro e a vida a sua escola?

 

Cumprir-se-á esse dia?

 

Não sabemos, mas sentimos a urgência de ascender no progresso espiritual, e esse progresso é a compreensão da beleza da criação, através da nossa bondade, e a disseminação da felicidade, através do nosso amor por essa beleza".

Khalil Gibran, in Ninfas do Vale 

 

Manhã de neblina.jpegManhã de neblina_Ria de Alvor...

 

Dia Feliz!

 

 

 

 

24
Mai19

Sobre a Amizade...


"O vosso amigo é a resposta às vossas necessidades. É o vosso campo semeado com dedicação e amor. É  a vossa mesa e a vossa casa, porque recorreis a ele para saciar a vossa fome e para vos recolher na paz da sua amizade.

E que na doçura da vossa amizade exista também o riso e os prazeres partilhados. Porque no orvalho das pequenas coisas é que o coração encontra a sua manhã e a sua frescura".

Khalil Gibran, in O Profeta

orvalho.JPGNo nosso jardim...

 

23
Mai19

Sobre o poder da simplicidade...


"Procure ser simples.

Viver com simplicidade é mais do que um acto de virtude. É também um acto de inteligência.

A simplicidade veste a pessoa de simpatia e torna-a bastante agradável aos olhos dos que a cercam. A sua presença é bem comentada em qualquer lugar, em qualquer meio, onde quer que esteja.

Uma pessoa simples tem o privilégio de atrair a si muitos e bons amigos, tal é o poder de influência que a simplicidade tem.

Só os simples são agradáveis aos olhos de Deus".

J. S. Nobre, in Comece o Dia Feliz

Colmar.JPGVida simples... (num canal de Colmar_França)

 

22
Mai19

Sobre a beleza...


"A beleza não é um desejo, mas um êxtase.

Não é boca sedenta, nem mão vazia estendida, mas antes um coração de fogo e alma deslumbrada.

Não é a imagem que gostaríeis de ver nem o canto que gostaríeis de ouvir, antes uma imagem que conseguis ver mesmo de olhos fechados e canto que ouvis mesmo de orelhas tapadas".

Khalil Gibran, in O Profeta

Ria de Alvor.JPGRia de Alvor...

Dia Feliz!

 

 

 

Pág. 1/4