Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Liberdade aos 42

Liberdade aos 42

27
Dez21

Alimentos de A a Z... Kiwi


Na sequência da rubrica "Alimentos de A a Z", hoje, apresento-vos o Kiwi.

 

Alimentos de A a Z_kiwi.gif


O kiwi é fruto de uma planta trepadeira que partilha o mesmo nome e pertence à família das Actinidiáceas, sendo a espécie mais comum a Actinidia deliciosa.

A origem deste fruto exótico remonta ao início do século XX, na China. Daqui foi transportado para a Nova Zelândia por missionários. As primeiras plantações ocorreram décadas mais tarde. Em 1961, este fruto, surgiu pela primeira vez num restaurante nos Estados Unidos da América, sendo este país o principal responsável pela sua produção, distribuição e comercialização. Actualmente, os principais produtores de kiwi são a Itália, Nova Zelândia, Chile, França, Japão e Estados Unidos.

O crescente aumento da ingestão de kiwi reflecte a sua popularidade devido, principalmente, à combinação apetecível entre sabor, valor nutricional, aspecto ímpar e originalidade na denominação.

Este fruto refrescante apresenta características muito peculiares, uma consistência cremosa, um sabor doce e ácido intensos.

No interior deste pequeno fruto de casca acastanhada e áspera, reside uma polpa verde brilhante, de centro esbranquiçado com pequenas sementes pretas dispostas circularmente.
 
 

Informação Nutricional

O kiwi é uma excelente fonte de água e . Além destes, o kiwi é ainda rico em  e fibra solúvel e insolúvel.

 

Benefícios associados ao consumo

O kiwi oferece-nos inúmeros fitonutrimentos,  e  que são benéficos para a saúde.

Muitas vezes, referimo-nos a ele como sendo um bom fornecedor de . De facto, um kiwi médio é suficiente para satisfazer as necessidades nutricionais desta vitamina. É também rico em . A nível celular, estas  estão envolvidas no processo de neutralização de  responsáveis pelo .
 

A vitamina C tem reconhecidas propriedades antioxidantes, contribuindo ainda para o normal funcionamento do sistema imunitário. Juntamente com um folato, a vitamina C intervém na redução do cansaço e fadiga e normal função psicológica.

A capacidade protectora do Kiwi deve-se, também, à presença de vários fitonutrimentos , tais como  e .

 é essencial na produção de glóbulos vermelhos e brancos, na síntese de material genético e formação de anticorpos.

é necessário na transmissão do impulso nervoso para uma actividade muscular normal e intervém no equilíbrio eletrolítico, a nível celular.

 está relacionado com o bom funcionamento do sistema gastrointestinal, nervoso, muscular e imunitário.

O kiwi apresenta um alto teor de fibra. A fibra favorece o funcionamento intestinal e ajuda a regular os níveis plasmáticos de A associação tradicional do kiwi à função intestinal parece ter algum fundamento científico, uma vez que estudos clínicos revelam que o consumo deste fruto, no contexto de uma alimentação saudável, poderá ter um efeito positivo na retenção de água no intestino delgado e no cólon e aumento do volume do volume fecal, o que contribui para um melhor trânsito intestinal.

 

Advertências associados ao consumo

Apesar de não existir nenhuma contra-indicação associada ao consumo de kiwi, existem pessoas que sofrem de Síndrome de Alergia Oral, que se caracteriza pelo aparecimento de edema, comichão e/ou formigueiro nos lábios, boca e garganta após o contacto de um fruto fresco ou produto hortícola com a mucosa oral do indivíduo alérgico.
Geralmente, estas pessoas são também alérgicas a pólen. E, como acontece para qualquer alimento, podem existir pessoas que o toleram melhor ou pior.
Excepções à parte, o kiwi parece ser um fruto bem tolerado pela população em geral, incluindo por quem sofre síndrome do intestino irritável, devido ao seu baixo teor em hidratos de carbono fermentáveis.

Não existe uma dose diária recomendada para o consumo de kiwi, mas numa alimentação completa, variada e equilibrada propõe-se a ingestão de 3 a 5 porções de fruta, sendo que uma porção corresponde a cerca de 160g (2 kiwis médios).

 

Como comprar e conservar

O kiwi é um fruto sazonal, que surge no pomar a partir do mês de Outubro, podendo durar até Maio.

Não sendo comestível imediatamente após a colheita, a selecção do kiwi passa por pressioná-lo ligeiramente entre o polegar e indicador. Os mais doces irão ceder suavemente à pressão.
Evite os mais macios, os que apresentam manchas, danos devido a choques mecânicos ou os que estiverem húmidos.
Se no momento em que for comprar/colher os kiwis ainda não estiverem maduros, pode deixá-los a amadurecer durante alguns dias à temperatura ambiente, desde que protegidos da luz solar ou calor. Pode colocá-los na fruteira junto a maçã, pêra ou banana para acelerar o processo de amadurecimento. Se já estiverem maduros podem ser conservados tanto à temperatura ambiente (15 dias), como no frigorífico (30 dias), como no congelador (6 meses). No frio, podem ser conservados durante muito tempo, desde que protegidos da desidratação.
Devido à sua riqueza em clorofila, o kiwi é uma das poucas frutas que mantém a coloração verde quando madura.
O tamanho da fruta não está relacionado com a qualidade, por esta razão, seleccione-a consoante a sua preferência pessoal.

 

Como utilizar

O kiwi é um fruto tão delicioso que, depois de descascado, pode ser ingerido cru. Existem diversas formas de enfeitar o seu prato com este fruto – em cubos, rodelas, fatias, cortado ao meio – mas não deve ingeri-lo muito tempo após o corte, devido às  que contém, pois são responsáveis pela oxidação do mesmo.

Se adicionar kiwi a saladas de fruta, por exemplo, adicione-o no momento de servir a sobremesa, para conservar a cor e propriedades nutricionais.

 

Sugestões de utilização:

Batido refrescante de côco e kiwi

Bolo delícia de kiwi

Bolo de kiwi

Clafoutis de kiwi

Cocktail de kiwi

Compota de kiwi

Doce de kiwi

Flan de kiwi

Gelado de kiwi

Granizado de kiwi

Limonada de kiwi

Mousse de kiwi

Panquecas com molho de chocolate e kiwi

Parfait de côco e kiwi

Parfait de kiwi e romã

Salada morna de salmão e kiwi

Smoothie de kiwi, espinafres e mirtilos

Smoothie de kiwi, morango e espinafres

Tarte de côco e kiwi

 

https://saboreiaavida.nestle.pt/bem-estar/kiwi

https://www.arodadaalimentacao.pt/alimentacao/tudo-sobre-o-kiwi-uma-fruta-laxante/

https://www.teleculinaria.pt/blog/kiwi/

 

Pág. 1/4

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub