Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Liberdade aos 42

Liberdade aos 42

30
Abr21

A Liberdade de... Tagarelices ao vento


 

Liberdade Sonhada

 

Pássaro que bate asas mas não voa,

Na tua gaiola dourada,

Só te falta uma coroa,

E uma voz encantada. 

Pássaro que desde bem cedo,

Criaste uma boa amizade,

Pousavas no seu dedo,

E lhe deixavas saudade.

Pássaro que de todos tens medo,

Foges da tua vontade,

Por todos tratado como um brinquedo,

E fechado aqui na cidade. 

Pássaro amedrontado,

Não conheces a felicidade,

Pois ainda não foste apresentado,

Às asas da liberdade.

Pássaro, nasceste para seres livre, do teu jeito,

Bate as asas e voa,

Pois, a liberdade é tua de direito,

Voa, voa, em liberdade, mesmo à toa. 

(Tagarelices)

 

image.png

 

Texto da autoria de: Tagarelices ao vento

 

2 comentários

  • Obrigada eu por este privilégio.
    Realmente sinto-me bem-vinda!

    Beijinhos e um resto de dia feliz
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

    Arquivo

      1. 2021
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2020
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2019
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D

    Em destaque no SAPO Blogs
    pub