Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Liberdade aos 42

Liberdade aos 42

17
Jan22

Alimentos de A a Z... Leite Condensado


Na sequência da rubrica "Alimentos de A a Z", hoje, apresento-vos o leite condensado.

Alimentos de A a Z_leite condensado.gif

Nem sempre o leite fresco pasteurizado foi um produto fácil de encontrar em qualquer casa ou mercearia.

Durante muitos anos o leite foi um grande portador de doenças, a refrigeração era pouco comum, estragando-se rapidamente. Era também comum a adulteração do leite, sendo adicionado giz ou água, entre outros, mas esta mistura também se revelava muito pouco saudável.

Inventado por Gail Borden por volta de 1850, o leite condensado em lata provou um elevado valor como ração militar na década de 1860. Enquanto o leite fresco se estragava dadas as longas cadeias de abastecimento, o leite em lata continha propriedades nutricionais, além de portátil, de longa validade e acima de tudo seguro. O pioneiro processo de produção de leite condensado de Gail Borden envolvia o aquecimento do leite para a evaporação de alguma água, seguida da adição de açúcar como conservante. Surpreendente foi a explosão de vendas nas cidades norte-americanas após a guerra.

Tendo chegado a Zurique em 1865 como jovem vice-cônsul do Comércio dos Estados Unidos, Charles Page, ao ver os campos suíços e as vacas que pastavam em prados frescos e verdes, de imediato se recordou de um inovador produto alimentar, popular na América, que tinha visto ser distribuído às tropas da União, durante o tempo em que trabalhou como jornalista, fazendo a cobertura da guerra civil. Esperando um sucesso semelhante na Europa, Charles Page fundou a Anglo-Swiss Condensad Milk Company em Cham, Suiça, em 1866 e a marca Milkmaid começa a sair da linha de produção em Janeiro de 1867. Elevados padrões de qualidade e segurança, uma fábrica moderna, distribuição eficiente e marketing informativo, asseguraram o sucesso do produto. 

Cedo George Page, irmão de Charles, percebeu que o sucesso a longo-prazo para o negócio significava agir responsavelmente através de fornecedores, colaboradores e sociedade, desenvolvendo inúmeras acções de melhoria de qualidade e quantidade produzida, bem como politicas de responsabilidade e desenvolvimento junto dos trabalhadores.

Page tinha muito em comum com um outro recente emigrante na Suíça, o alemão Henri Nestlé. Uma paixão semelhante pela nutrição e propósito social inspirou Nestlé na invenção para alimentação infantil da Farinha Láctea, que desde 1867 vendeu em Vevey.

Ambas as empresas souberam ganhar a confiança dos consumidores através de elevados padrões de qualidade, usarando o mesmo ingrediente - leite - para fornecer nutrição essencial com base científica.

Em 1905, o acordo foi assinado e assim nasceu a Nestlé and Anglo-Swiss Condensed Milk Company.

 

Sugestões de utilização:

Alperces gratinados com leite condensado

Arroz doce com chocolate e leite condensado

Batido de morango e leite condensado

Bolo de laranja e leite condensado com morangos

Bolo de leite condensado sem farinha

Brigadeiros com leite condensado

Corações folhados com leite condensado e morangos

Delícia de figos com leite condensado e côco

Fondue de leite condensado

Gelado de limão com leite condensado

Gelatina com leite condensado

Gelatina de leite condensado e frutos vermelhos

Licor de semente de funcho e leite condensado

Limonada com leite condensado

Madalenas de leite condensado e limão

Mousse de café com leite condensado

Pãezinhos de leite condensado

Pastéis de leite condensado

Pudim de leite condensado

Semifrio de côco e leite condensado

Semifrio de limão com leite condensado

Tarte folhada de natas e leite condensado

Trufas de chocolate com leite condensado

Trufas com leite condensado, chocolate branco e limão

 

https://saboreiaavida.nestle.pt/produtos/leite-condensado-nestle

https://ncultura.pt/como-fazer-leite-condensado-caseiro-e-muito-facil/

https://saboreiaavida.nestle.pt/cozinhar/pesquisa?search_api_fulltext=leite+condensado

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    MJP 17.01.2022

    Eu gosto... mas raramente uso...
    (quando uso é em substituição do açúcar! )
    Dia Feliz, Querida!
    Mil beijinhos
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Pesquisar

    Arquivo

      1. 2022
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2021
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2020
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2019
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D

    Em destaque no SAPO Blogs
    pub